Sexta-Feira, 24 de Maio de 2019

14/5/2019 - Campinas - SP

Nelson Hossri protocola projeto obrigando a Prefeitura resolver os problemas de drogas




da assessoria de imprensa da Câmara de Vereadores de Campinas

O vereador Nelson Hossri (Podemos) protocolou um projeto de lei que estabelece as obrigações do Poder Executivo em relação à prevenção ao uso de drogas, incluindo a internação compulsória de usuários. A proposta também determina responsabilidades do Poder Público por áreas de decadência urbana devido ao uso de drogas.

Pelo projeto, o município deverá disponibilizar, através do SUS (Sistema Único de Saúde), alternativas de tratamento para dependentes químicos, além de apoio às famílias (considerados codependentes). Para isso, a proposta permite que o Poder Executivo contrate entidades privadas, que deverão ser fiscalizadas.

A propositura prevê ainda que a Prefeitura também poderá solicitar, em último caso, a internação compulsória de usuários de drogas, mediante autorização judicial. Neste caso, a internação forçada deverá ter acompanhamento do Ministério Público, Defensoria Pública, agentes de saúde do Estado e/ou União, advogado e associação de defesa de direitos humanos ou de pessoas em situação de vulnerabilidade.

Área com vulnerabilidade social

O projeto do vereador Nelson Hossri também estipula regras para o Poder Executivo impedir o surgimento, a perpetuação e a propagação de áreas de concentração de usuários de drogas, em especial aquelas que produzam decadência urbana. Pela proposta, já se enquadram nesse perfil um espaço com uso rotineiro de drogas e com, no mínimo, dois usuários.

Entre as obrigações da Prefeitura estão a remoção de usuários, combate ao narcotráfico (e outros crimes) e a priorização de investimentos na área, inclusive privados.

Para o vereador Nelson Hossri, o Poder Executivo está omisso com relação ao problema das drogas em Campinas. “Operações urbanas realizadas em administrações anteriores, como o ‘Bom Dia Morador de Rua’, com atuação integrada e intersetorial, tiveram efeitos sociais notáveis. Mas infelizmente foram deixadas de lado”, relembra o parlamentar. “O Centro de Campinas é um exemplo de omissão por parte da Prefeitura com relação aos usuários de drogas”, finaliza Hossri.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Campinas Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.