Sábado, 11 de Julho de 2020

19/6/2020 - Campinas - SP

Luis Yabiku presta homenagem à comunidade japonesa




da assessoria de imprensa da Câmara de Vereadores de Campinas

O vereador Luis Yabiku (PSB) prestou homenagem durante a abertura dos trabalhos das reuniões extraordinárias remotas desta quinta-feira a comunidade japonesa, por conta do Dia Nacional da Imigração Japonesa, celebrado todo dia 18. A data marca a chegada do primeiro navio, batizado de Kasato-Maru, com imigrantes japoneses, ao Porto de Santos. A embarcação atravessou oceanos por 52 dias, a partir de Kobe, trazendo 165 famílias (781 pessoas) a bordo.

Este episódio marcou o início da imigração japonesa no Brasil, que completa 112 anos. De acordo com Yabiku, sua família é um exemplo desta saga, iniciada com seu pai, Moichi Yabiku, e seus tios Motoko e Takeo Yabiku, todos já falecidos, o último recentemente aos 82 anos.

“Meus antepassados chegaram ao Brasil na década de 50 e como quase todo imigrante japonês, foram trabalhar nas lavouras que careciam de mão de obra. As condições iniciais eram bastante precárias, baixa remuneração e muito sofrimento, mas com a conhecida garra, disciplina e dedicação ao trabalho do povo nipônico, as gerações futuras melhoraram de vida”, explica Yabiku.

Como descendente de imigrantes, Yabiku sempre foi um defensor das políticas migratórias entre países, desde que bem planejadas. “O imigrante chega ao país que o acolhe com muita vontade de trabalhar e de contribuir para o crescimento econômico local, uma vez que os motivos que o levam a emigrar quase sempre são muito duros: fome, guerras, doenças e calamidades de todo tipo. Foi assim com a imigração italiana e também com a japonesa no passado. E agora os venezuelanos e haitianos”, afirma.

Para Yabiku, o preconceito contra estrangeiros deve ser evitado, uma vez que o imigrante contribui para o desenvolvimento econômico local e não deve ser visto como alguém que vêm de fora para “tomar empregos”. “O assunto é polêmico, mas a história mostra que grandes economias, como a dos Estados Unidos, por exemplo, foram construídas por mãos de imigrantes”, observa.

No caso da imigração japonesa, Yabiku destaca que a comunidade nipônica soube se inserir na sociedade brasileira, de modo a contribuir fortemente para a sua expansão, a exemplo das inovações introduzidas em diversas áreas, como a agrícola, por exemplo, e também com suas tradições e cultura milenar, sua gastronomia, música, esportes marciais e estilo de vida muito apreciado, valorizado e copiado por diversos brasileiros não descendentes de japoneses.

Neste aspecto, o vereador cita os festivais do Japão, que hoje estão espalhados por diversas regiões, atraindo simpatizantes de todas as culturas, entre outras atividades esportivas e culturais. Além de protocolar um Requerimento de Aplauso à comunidade japonesa, Yabiku é o autor da Lei Municipal 13.267/2008 que instituiu o Festival do Japão no calendário oficial de eventos do município.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Campinas Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2020, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.