Quarta-Feira, 17 de Outubro de 2018

5/8/2016 - Campinas - SP

Dançaberta apresenta espetáculo infantojuvenil “Escondeus”




da assessoria de imprensa 

O Grupo de Pesquisa em Dança e Educação Somática da Unicamp (Dançaberta) apresentou no último dia 28 de julho, no Teatro Municipal Castro Mendes, em Campinas, o espetáculo “Escondeus”. A obra é baseada no conto “Era uma vez Deus”, do livro “Histórias para pesar com a barriga”, de autoria de Marília Fiorillo, vencedora do Prêmio Jabuti de 1999. A apresentação foi feita especialmente para crianças atendidas por ONGs, centros comunitários e fundações da cidade.

A concepção e direção de Escondeus são da professora Julia Ziviani, do Departamento de Artes Corporais do Instituto de Artes (IA) da Unicamp. De acordo com ela, o espetáculo está destituído de qualquer tendência religiosa, sendo apenas uma visão poética e lúdica sobre o tema. A obra conta a história de um “Deus criança” que podia ser tudo, desde bicho até arvore.

No entanto, o fato de estar em todos os lugares ao mesmo tempo lhe causava um problema: ele não podia brincar de esconde-esconde. Para participar da brincadeira era preciso estar num só lugar e, além disso, ter parceiros. Deus, então, teve uma ideia: esconder-se na barriga de um dos meninos brincantes da Terra.

No espetáculo, explica Julia Ziviani, Deus não aparece como um personagem, mas sim como uma noção de coletivo que flui e se transforma em variadas coisas - pessoas, plantas e animais. A história faz uso de uma narrativa não literal, que permite construir formas, ideias e ações da personagem. Todos os elementos cênicos – tecido, camas elásticas, estrelas de papel, etc - apresentados no espetáculo foram produzidos em conjunto pela equipe, cada um pesquisando maneiras de agregar significados entre objetos, figurino, música, luz e movimentos, interligando-os e estabelecendo uma relação entre as partes.

“E é por meio deste enredo lúdico que o grupo pretende que todos esses elementos possibilitem uma construção singular de signos para cada expectador/participante”, esclarece a docente. Segundo ela, o grupo acredita que experiências culturais como essas são ricas para o crescimento e desenvolvimento das crianças como cidadãs.

O Dançaberta tem 15 anos de existência. Nessa trajetória, vem desenvolvendo trabalhos de diversas temáticas para diferentes faixas etárias. Para o universo das crianças, os trabalhos abordam de forma lúdica e instigante a poesia vinda de bons textos da literatura, com música criada especialmente para os espetáculos. Iluminação, figurinos e materiais como tecidos e camas elásticas contribuem para criar imagens que captam a atenção das crianças, por meio de uma atmosfera lúdica e divertida.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Campinas Fácil.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.